Reviews

Review: Hayley Williams – Petals For Armor

Hayley Nichole Williams fez o que jurou nunca fazer: um álbum solo. A líder do Paramore eternizou suas sessões de terapias em um álbum poderoso.

Após passar por um longo período fora das redes sociais e isolada em uma terapia intensa para tratar seus transtornos piorados por conta dos seus “problemas” com o Paramore e o seu divórcio com o vocalista do New Found Glory, Hayley Williams ressurge com Petals For Armor. A sua relação com o ex-marido inclusive é estampada na capa do álbum, já que ela decidiu substituir as iniciais de Chad Everett Gilbert por pequenos quadrados pretos tatuados em seus dedos.

Essa é uma estreia que nasce e morre ali mesmo: segundo a cantora, será somente isso que ela fará de forma solo. Apesar disso, Petals For Armor é um álbum coeso, raivoso, com poderes femininos, um conceito bem trabalhado, muito bem produzido e que é preciso ser analisado duas ou três vezes para o seu completo entendimento.

Podemos ver claramente o peso e a dor em cada letra e a cada batida. É como um expurgo de tudo que estava preso dentro de uma pessoa. Isso foi visto também no último álbum lançado do Paramore com uma leve disfarçada, já que as letras pesadas eram acompanhadas por melodias alegres. Em Petals for Armor, vemos muito da personalidade e o ser humano escondido por detrás disso. Um trabalho como este é difícil de externizar porque envolve um processo doloroso e Hayley transformou tudo isso em arte.

Ao lançar, Williams dividiu o álbum em 3 partes, cada uma com cinco faixas. “Existem muitos temas abordados no álbum como um todo e achei melhor separar alguns desses temas para que houvesse tempo para que todos digerissem algumas das músicas antes de passarmos para outras”, explicou. “É uma maneira de incluir as pessoas na jornada da mesma maneira que eu a experimentei”, revelou a cantora quando liberou a primeira parte do projeto.

É nela que chegam “Simmer” e “Leave It Alone”, que saíram no final de janeiro; “Cinnamon”, “Creepin” e “Sudden Desire”. Outros destaques do álbum ficam por conta de “Pure Love” e “Crystal Clear”, presentes na terceira parte do registro. Os videoclipes de “Simmer”, “Leave It Alone” e “Cinnamon” tem direção de Warren Fu e contam com a direção criativa de Lindsey Byrnes, amiga-intima de Hayley e que esteve também nos processos visuais do After Laughter, quinto álbum da banda. O álbum ganhou também um clipe para “Dead Horse”, dirigido e produzido pelo seu amigo de vida, Zac Farro.

Aliás, os amigos se fizeram presentes no álbum: além do clipe dirigido por Farro – que também tocou bateria em algumas faixas, Petals For Armor conta com a co-produção de Taylor York, parceiro de Hayley no Paramore.

Estreando em #4 nas paradas britânicas, o trabalho solo de Hayley atingiu 86 na estreia no Metacritic, sendo bem recebido pela crítica e, principalmente, pelos fãs. No fim o Petals For Armor é muito mais que um álbum: é a reconstrução de um ser humano, a sua descoberta como pessoa, como artista, como líder de um movimento que leva milhares a todo e qualquer canto do mundo.

A “garota” tímida do Tennessee ganhou o mundo e não perdeu a si mesma.

Hayley Williams – Petals For Armor

Lançamento: 08 de Maio de 2020
Gravadora: Atlantic
Gênero: Alternative Music / Indie Pop
Produção: Taylor York e Hayley Williams

Faixas:
01. Simmer
02. Leave It Alone
03. Cinnamon
04. Creepin
05. Sudden Desire
06. Dead Horse
07. My Friend
08. Over Yet
09. Roses/Lotus/Violet/Iris
10. Why We Ever
11. Pure Love
12. Taken
13. Sugar on the Rim
14. Watch Me While I Bloom
15. Crystal Clear

Comentários