Colunas

Neo-Música: como foi ver ao vivo o Circuladô de Fulô?

Sempre quando alguém me pergunta “Maah porque você gosta tanto de ir aos shows?”, a minha resposta sempre é a mesma porque realmente esse é o sentido que me faz sair de casa e ir assistir.

Acredito que ir ao show significa uma troca de energia boa entre o artista e o público. Sei que deve ser muito bom ver o público cantando sua música para os artistas e, para o público, é maravilhoso ir ao show e ouvir aquela canção que você provavelmente nomeou como preferida. É uma troca de felicidade, sabe?

Ir ao show do Circuladô de Fulô foi exatamente isso: uma troca com o grupo, onde me fizeram reviver momentos legais, com lembranças boas na minha mente.

E em contra partida eu estava ali, com sorriso gigante no rosto, querendo demostrar a alegria que sentia e que, por incrível que pareça, não estava cabendo em mim naquele momento. QUE SONHO FOI AQUELE?!

Foto: Claudio Cuca

São 15 anos de estrada, sendo que em três eles fizeram uma pequena pausa. Foram muitos shows, muitos momentos bons e ruins. E o que admiro neles todos? É QUE O SONHO NUNCA VAI ACABAR. Eles vão continuar fazendo o que gostam, vão continuar trocando essa vibe com o público, que é tão genuíno. No mundo em que vivemos hoje isso é algo único.

Com um Jai Club lotado de fãs, todo mundo sabia cantar todas as canções. Arrepiou! A banda falou sobre o novo disco, que tá chegando e vem cheio de participações pra lá de especiais. Inclusive, um desses convidados esteve no show e subiu no palco para uma releitura maravilhosa da canção de Lulu Santos. Com Gabriel Elias, o Circuladô de Fulô cantou “Apenas Mais Uma de Amor”, momento que fez o show ficar mais ainda inesquecível.

Uma dica: tem entrevista lá no Maah Music com a banda e com Gabriel falando um pouco mais sobre o novo álbum e carreira. Me segurei para não chorar na frente deles. Voltando pra casa, dentro do táxi não me contive e chorei de alegria. Meu peito estava cheio de felicidade.

Foto: Claudio Cuca

E a única coisa que tenho pra dizer é que estou realmente muito ansiosa para o lançamento do novo álbum, que será um especial de 15 anos de estrada e vai ser muito insano, da mesma forma que todos os trabalhos que a banda lançou na carreira.

AÍ MEU CORAÇÃO, vamos parar com esse blá, blá, blá e curtir o que rolou lá no show?

Tem mais do Circuladô de Fulô no Spotify, ó:


Ouça e depois vem cá deixar um recadinho sobre, combinado? Vou esperar hein!